Açúcar de Coco, Adoçantes Naturais, Bolos e Biscoitos, Canela, Carne, Peixe, Marisco e Ovos, Cenoura, Ervas Aromáticas, Especiarias e Condimentos, Farinha de Amêndoa, Farinhas, Flocos e Fermentos, Fermento para Bolos, Flocos de Aveia sem glúten, Frutas, ingredientes, Inverno, Legumes, maçã, Noz, Noz-moscada, Óleo de coco, Óleos e Gorduras Saudáveis, Outono, Ovos, passas, Por Estações do Ano, receitas, Sal Marinho, Sem Lácteos, Sementes de Abóbora, Sementes e Frutos Secos, Snacks, Sobremesas

Bolo de Natal

26, Dezembro, 2019

Como alternativa ao bolo-rei e ao bolo-rainha que, apesar de deliciosos, dão algum trabalho a fazer, este ano decidi fazer um mais simples, mas que tivesse o mesmo sabor a Natal.

Foi assim que nasceu o bolo de Natal, que, embora tenha este nome, pode e deve ser feito durante todo o ano. É um bolo rico, cheio de fruta, legumes e especiarias, que fica pronto num instante e que sai sempre bem. Além de tudo isto, é um bolo versátil, pois podemos ir alterando os ingredientes consoante o nosso gosto ou a época do ano. 

Gosto de o servir ao final de uma refeição principal, ao lanche acompanhado de chá, ou de o ter na bancada da cozinha a servir de snack para toda a semana.


 

Bolo de Natal

Tempo de preparação15 minutos aprox.
Tempo total50 minutos aprox.
Para: 1 bolo pequeno (20 cm diâmetro)

Ingredientes:

para a massa do bolo,
  • 60 g de nozes
  • 20 g de sementes de abóbora
  • 20 g de passas
  • 2 ovos
  • 80 g de açúcar integral seco (coco, rapadura, demerara ou mascavado)
  • 60 g de óleo de coco neutro (ou manteiga sem sal)
  • 150 g de farinha de amêndoa
  • 50 g de flocos de aveia sem glúten
  • 1 colher de chá cheia de canela em pó
  • 1/2 colher de chá de gengibre em pó
  • 1/4 de colher de chá de noz-moscada moída
  • 1 pitada de sal marinho
  • 1 colher de chá de fermento para bolos
  • 1 raspas de laranja
  • 100 g de cenoura ralada
  • 100 g de maçã ralada
para o topping,
  • 10 g de nozes picadas
  • 10 g de sementes de abóbora
  • 10 g de flocos de aveia sem glúten
  • 5 g de açúcar integral seco (coco, rapadura, demerara ou mascavado)

Preparação:

  • Pré-aqueça o forno a 170ºC com ventoinha. (se fizer o bolo na Airfryer não precisa de pré-aquecer)
  • Com a ajuda de uma faca, pique grosseiramente as nozes, as sementes de abóbora e as passas. Reserve.
  • Num processador, coloque os ovos, o açúcar e o óleo de coco, e triture até obter um creme liso.
  • Junte a farinha de amêndoa, os flocos de aveia, as especiarias, o sal, o fermento e as raspas de laranja, e triture até obter um creme.
  • Coloque numa taça e junte a cenoura e a maçã ralada. Envolva bem com a ajuda de uma espátula.
  • Junte os frutos secos e as sementes picadas reservadas, e volte a misturar.
  • Coloque numa forma de abrir (com 20cm de diâmetro), previamente forrada com papel vegetal, e alise o topo com as costas de uma colher.
  • Misture os ingredientes do topping e coloque-os por cima da massa.
  • Leve ao forno (ou à Airfryer a 170ºC) por 35 minutos.
  • Retire do forno, deixe arrefecer um pouco e desenforme o bolo.

Sempre que possível opte por ingredientes biológicos.



 

(Visited 2.519 times, 5 visits today)
close
Subscreva a newsletter e fique a par de todas as novidades!

Veja também:

3 Comentários

  • Responder Madalena 3, Junho, 2020 at 22:56

    Boa noite

    Parabéns pelo seu excelente trabalho!
    Muito obrigada pela sua grande generosidade em partilhar muito do seu trabalho.

    Gostava de lhe colocar duas questões relacionadas com dois ingredientes que uso, quase sempre, na minha rotina de cozinha.

    Acerca do tomate, gostava de saber como secar o tomate para o poder ter sempre disponível.

    Também gostava de saber a sua opinião acerca da cebola. Eu tenho por hábito escaldar a cebola picada antes de a usar . Acha correto? Por último, como conservar a cebola mais tempo? Pode ser em água e vinagre?

    Muito obrigada pelo tempo dispensado!

    Desejo-lhe muita saúde para continuar com o seu maravilhoso trabalho.

    Obrigada!

    Madalena Magalhães

    • Responder Sofia Paixão 4, Junho, 2020 at 10:05

      Obrigada Madalena 🙂 . Em relação ao tomate sugiro que o seque num desidratador, ao sol ou num forno a baixa temperatura (até 50ºC). Quanto à cebola, se for para cozinhar não precisa, se for para consumir crua pode deixar de molho em água e vinagre que ficará menos indigesta, se for para conservar poderá fazer pickles (fermentar) ou desidratar.

  • Responder Madalena 4, Junho, 2020 at 22:03

    Obrigada 🙏

  • O seu comentário

    error: Content is protected !!